Lubrificante e Secante para instrumentais cirúrgicos NEOSEC

O que é o Lubrificante e Secante para instrumentais cirúrgicos
Neosec?

NEOSEC é um produto de última geração que tem a finalidade de auxiliar de enxágue permitindo rápida secagem com efeito lubrificante na lavagem automatizada para materiais médico hospitalares.

NEOSEC, uma solução inovadora com dupla função lubrificante e auxiliar de secagem, super concentrada, destinada a proteger os instrumentais formando uma camada protetora prevenindo travamento das articulações e aparecimento de manchas, oxidações e enrijecimento dos instrumentais cirúrgicos durante o processo de esterilização a vapor.

Sua formulação exclusiva foi desenvolvida com tensoativos não iônicos e aditivos, que realizam a quebra da tensão superficial da água, facilitando o enxague e criando uma película protetora.

NEOSEC é isento de silicone e permite a passagem do vapor durante o processo de esterilização.

Usado rotineiramente como parte das soluções integradas Labnews, o Neosec ajudará a manter a vida útil e a eficiência de seus instrumentos no processamento automatizado.

EMBALAGEM/RENDIMENTOS

O NEOSEC está disponível nas embalagens de 1L e 5 L.

Possuem rendimentos:
5 L – Rende até 6.250 litros
1 L – Rende até 1.250 litros

Diferenciais do Neosec

Tempo reduzido

Diminui o tempo da fase de secagem dos ciclos das termodesinfectadoras Lubrificante isento de óleo.

Proteção do instrumental

Protege o instrumental das altas temperaturas do processo de esterilização. 100% solúvel em água.

Redução do Ciclo

Reduz significativamente o ciclo das lavadoras termodesinfectadoras.

Com intuito de otimizar e padronizar o processo de limpeza e possibilitar simultaneamente o processo de desinfecção, as instituições cada vez mais vem adotando o uso da Lavadora Termodesinfectadora, este equipamento possui vários modelos e capacidades, e realiza initerruptamente o processo de limpeza, desinfecção e secagem.

E por que utilizar lubrificante secante na lavadora termodesinfectora?

  • Elimina as gotículas de água do enxágue dos materiais;
  • Auxilia a secagem e lubrifica, otimizando o processo automatizado.
  • Protege os instrumentais das altas temperaturas do processo de esterilização;
  • Diminui o risco de aparecimento de manchas;
  • Reduz custos com reparos e reposição de instrumentais;
  • Aumenta a vida útil do instrumental;
  • Previne travamento de articulações e mantem os materiais maleáveis durante o uso.

Os instrumentos cirúrgicos representam aos Serviços de Saúde um investimento elevado, com isso espera-se que estes sejam duráveis e cumpram a função a que se destinam.

No entanto, estes aspectos podem ser comprometidos se o instrumento cirúrgico for manuseado de forma inadequada tanto durante sua utilização, quanto no seu processamento (limpeza, esterilização e acondicionamento).

Peças mal conservadas, desgastadas e com presença de fissuras, dificultam a limpeza e permite o aparecimento de manchas e oxidações.

O grau de degradação aumenta a cada ciclo, interferindo no resultado do processo de limpeza e esterilização da peça.

Como usar o Neosec?

Somente modo Automatizado:
Programar a Lavadora termodesinfectadora na última fase (termodesinfecção) na diluição de 0,8ml a 2 ml para cada litro de água utilizada, em temperatura de 75 a 93° C.

Citações

“Os instrumentais que apresentem superfície de atrito tem de ser tratados com produto lubrificante, pois a lubrificação mantém a mobilidade e facilidade de operação desses itens. A fricção entre metais provoca abrasão, corrosão por atrito e rigidez do item.” (Nasce CME – Passos Recomendados Para Processamento De Instrumentais)

“É recomendada a utilização de substâncias inibidoras de corrosão que forme uma barreira protetora sobre os instrumentais cirúrgicos. Esta substância é um lubrificante para os instrumentais e deve ser não oleosa, não pegajosa, atóxica e sem silicone, que previne da corrosão, ferrugem, manchas e o enrijecimento do instrumental, permitindo que estes se conservem em excelentes condições de trabalho, reduzindo o custo com reparos e reposição.” (GUIMARÃES, S.M.; et al. Tratamento De Materiais Utilizados Em Laparoscopia. Revista gaúcha de enfermagem. Porto Alegre: v. 17. n.1, p. 19-25, jan.1996).

“Todas as juntas articuladas devem estar lubrificadas, sendo que o lubrificante empregado tem que ser não corrosivo. Recomenda-se, no entanto, que seja adequado à aplicação médica, de acordo com a farmacopéia nacional pertinente.” (ABNT – NBR 14174: Instrumentais cirúrgico e odontológico de aço inoxidável – Orientações sobre cuidados, manuseio e estocagem. Ago, 1998).

“O instrumental cirúrgico deve ser mantido lubrificado para evitar futuras oxidações. O uso de óleos a base de petróleo (vaselina, silicone, lubrificantes, aerossóis…) devem ser evitados, pois atacam os materiais dos instrumentos. Lubrificantes minerais não oleosos, poderão ser aplicados em qualquer instrumental, protegendo-o de oxidação e mantendo a elasticidade das peças de borracha. (MACOM. Guia para conservação, limpeza e esterilização de instrumentais cirúrgicos. 2011.)”

 

LAUDOS

Os Laudos laboratoriais e testes de desempenho comprovam a eficácia, segurança, compatibilidade e estabilidade do produto.

São  importantes para qualificação do produto. 

  • Citoxidade(indica que o produto não traz riscos ao ser humano)
  • Não irritabilidade dérmica.
  • Não irritabilidade ocular.
  • Não Corrosividade para diverso materiais.
  • pH puro.
  • Fisico químicos.

LEGISLAÇÃO

PRODUTO RISCO I – PRODUTO SANEANTE NOTIFICADO NA
ANVISA N 25351146704201211

Categoria: Secante Abrilhantador

RDC Nº 47, de 25 de outubro de 2013.
RDC N 59 de 17 de dezembro de 2010.
RDC Nº 42, 13 de agosto de 2009.
RDC Nº 40 de 05 de junho de 2008.

Rolar para cima
Quer um contato? Chame agora